Conselho Regional de Medicina Veterinária constata irregularidade no Canil Municipal

No dia 23 de janeiro o Conselho Regional de Medicina Veterinária (CRMV) visitou o Canil Municipal de Pilar do Sul e ratificou irregularidades já constatadas no final de 2012.

Segundo informação veiculada pelo blog da jornalista Sueli Cano Maita, a situação do Canil está deplorável: animais sem abrigo vivendo ao relento, na chuva e no sol, a higiene deixando a desejar por falta de funcionário adequado para fazer a higienização, falta de medicamento, falta de documentos (ficha) de controle de entrada e saída de animais, falta de responsável técnico (veterinário) e superlotação em relação ao número de baias existentes.

Devido a essas denúncias, O Jornal contatou o Secretário de Saúde Dr. Dalton Fernando Pagianotto visando informar e esclarecer à população sobre o fato.

Segundo o Secretário, o Conselho Regional de Medicina Veterinária não deixou, oficialmente, nenhum relatório sobre a visita e sobre as irregularidades encontradas no Canil. “Apenas verbalmente foi comunicado ao Chefe da Vigilância Helton dos Santos Carvalho e ao Agente Sanitário Zacarias Gomes Fogaça os problemas encontrados”, conta Dr. Dalton.

O Secretário informou que já estão sendo tomadas as providências necessárias para sanar alguns dos problemas, como a elaboração de fichas de controle de entrada e saída de animais. Informa ainda que o veterinário Marcelo Augusto Toledo Caetano, da Secretaria de Desenvolvimento Rural e Meio Ambiente – SEDRUMA – será o responsável pelo Canil. Também informou que os medicamentos necessários já estão sendo providenciados.

Perguntado sobre a morte recente de uma cachorra no Canil, o Secretário relatou que a mesma já se encontrava doente.

“Estamos dispostos a ajudar na melhoria do atendimento do Canil Municipal, em parceria com a Associação Protetora dos Animais ‘Anjos Sem Asas’, mas é necessário levar em conta que só um mês da nova administração é pouco para resolver problemas antigos”, enfatiza o Secretário.

 

Relato do blog reporterpilardosul.com.br

“Após a visita do CRMV de acordo com os voluntários da associação, a situação no Canil ficou ainda pior porque, onde havia separações para animais de grande porte e filhotes, foram retiradas, hoje animais adultos estão atacando os indefesos como ocorreu com uma cachorra idosa que teve seu corpo rasgado, o presidente Tiago Gonçalves Ferreira teve que encaminhar o animal ferido para uma clínica particular, porque não havia veterinário pela prefeitura para fazer o atendimento, a resposta que a associação obteve do porquê retiraram a cerca foi que “ficava feio verem aquela coisa fora de estética na frente do canil….”, a associação não está preocupada com a estética ornamental do local e sim, com a saúde e segurança dos animais, só hoje, um gatinho que estava bem, quando o presidente foi buscá-lo para a feira o encontrou morto dentro de uma pia no banheiro, uma voluntária quando foi ao canil por volta das 16h, encontrou uma cachorra que já vivia ali há tempos e que era cega dos dois olhos, no local, foi encontrado manchas de sangue e também pela calçada próximo de onde ela estava. O funcionário não soube dizer o que aconteceu, ela simplesmente morreu.” (Fonte: http://reporterpilardosul.blogspot.com.br)